jump to navigation

Jogos Olímpicos: mais em 2012 Agosto 25, 2008

Posted by Bruno Miguel Dias in Jogos Olímpicos.
add a comment

A cerimónia de encerramento, à semelhança do que acontecera na de abertura, foi magnânime e ilustrou a forma como a China encarou os Jogos Olímpicos: o objectivo era que fossem inesquecíveis, os melhores de sempre. De acordo com os que presenciaram os 16 dias de competição essa condição foi mesmo atingida, com uma organização irrepreensível e sem erros de maior.

A China, apesar das visíveis limitações impostas aos mais elementares direitos humanos, demonstrou ao mundo ocidental como a oriente também é possível organizar na perfeição um evento desta dimensão.

Contudo, a imagem da China não se fez apenas pela organização imaculada. Desportivamente, a potência asiática obteve a melhor participação de sempre em provas olímpicas, ao conquistar mais de 100 medalhas e ficar bem perto dos EUA. Segundo os analistas pouco importa esse punhado de medalhas a menos, uma vez que foi a China que conqustou o maior número de medalhas de ouro e assim deve ser justamente consagrada como a justa vencedora destes Jogos. Algo que, a avaliar pelas páginas dos diários norte-americanos, não parece fácil de reconhecer.

Os Jogos Olímpicos chegaram ao fim e o testemunho foi passado a Londres, onde em 2012 novos recordes esperam por ser batidos.

Recordes. Foi, por certo, esse o objectivo de Michael Phelps ao aterrar na China. Deixou para trás o recorde de sete medalhas de Mark Spitz e por oito vezes ocupou o lugar cimeiro do pódio. Será tal feito suficiente para nomear Phelps como o Atleta destes jogos? Também aqui não há consenso, muito graças à fabulosa prestação de Usain Bolt que facilmente venceu os 100 e 200 mts no atletismo. Mais impressionante é ainda o facto de ter batido o recorde dos 100 mts quando os últimos 20 mts foram já em ritmo de celebração.

A Portugal chegam duas medalhas: da prodigiosa Vanessa Fernandes e do talentoso Nelson Évora. Prata e Ouro, respectivamente. Com as duas medalhas chega também o balanço desta participação e a polémica. Se apenas com uma medalha choviam críticas, não é o ouro de Évora que deve mascarar a realidade da participação portuguesa. No entanto, terá sido isso que pensou Vicente Moura, presidente do Comité Olímpico de Portugal. Quando Naide Gomes, uma das esperanças de Portugal nos JO, falhou a qualificação, Vicente Moura precipitou-se a dizer que seria altura de abandonar o cargo e abrir uma época de renovação. Ora, qual não é o espanto, quando o salto de Nelson Évora é aproveitado pelo dirigente para reajustar as suas declarações ao afirmar que talvez ainda haja a possibilidade de continuar à frente dos destinos olímpicos portugueses. O êxito do atleta português não devia servir de elemento de promoção para alguém que não seja o próprio atleta e seu treinador, pelo que só resta uma qualificação possível para este triste episódio: oportunismo.

Anúncios

Regresso de férias Agosto 22, 2008

Posted by Bruno Miguel Dias in Desporto.
add a comment

As férias forçaram-me a parar a produção deste sítio por uns dias, mas agora volto e não se pense que tenho estado desatento às novidades do mundo do desporto.

Em Portugal, Vanessa Fernandes arrecadou a prata olímpica no triatlo e, acabado de chegar a Portugal, vi o Nelson Évora saltar para o ouro, com os 17,67 mts no triplo salto. Hoje, pela primeira vez, ouvirse-á o hino nacional no «Ninho de Pássaro».

Ainda nas olimpíadas, Michael Phelps pulverizou recordes e encheu as malas de medalhas, enquanto no futebol a Argentina eliminou o Brasil e vai discutir o ouro com a Nigéria.

A nível interno, o Sporting levou de vencida o Porto no primeiro jogo oficial da época e conquistou a supertaça. Os três grandes parecem mais equilibrados do que na época passada e a partir deste fim-de-semana começa a distutir-se a Liga de futebol.

Uma última palavra ainda para a estreia de Carlos Queiroz no banco da selecção nacional, na vitória sobre as frágeis Ilhas Faroé por 5-0.

P.S.- Nas dférias houve tempo para visitar estes dois “templos”…

Camp Nou

Santiago Barnabéu

Não que espantem pela beleza exterior, mas ao olhar sabe-se a história que já se fez lá dentro e o sentimento é sempre único.

Pequim 2008 já arrancou Agosto 8, 2008

Posted by Bruno Miguel Dias in Desporto.
add a comment

Começaram oficialmente os Jogos Olímpicos de 2008. Numa cerimónia supersticiosamente marcada para o dia 08.08.2008, os primeiros figurantes encheram o «Ninho de Pássaro» e deram início à cerimónia.

Se tudo decorrer conforme as expectativas, a cerimónia de abertura destes Jogos será o maior evento alguma vez presenciado, pois esperam-se que cerca de 4 mil milhões de pessoas acompanham todo o espectáculo via televisão.

À espera que comece… Agosto 1, 2008

Posted by Bruno Miguel Dias in Desporto, Jogos Olímpicos, Pequim 2008.
add a comment

Michelle Brito em crescendo Julho 31, 2008

Posted by Bruno Miguel Dias in Michelle Brito, Ténis.
add a comment

A menina que fez a última publicidade da operadora de telecomunicações TMN era, até então, uma desconhecida para a maior parte dos portugueses. Mesmo para aqueles que nutrem um gosto especial por desporto.

Acontece que Michelle Brito não foi só uma cara laroca escolhida para mais um spot publicitário. A tenista portuguesa é a maior esperança do ténis português actual e continua a somar vitórias, no minímo, inesperadas.

Desta vez, a vítima foi a italiana Flavia Pennetta. A portuguesa, 169.ª do ranking WTA, bateu a tenista transalpina no torneio de Montreal em pouco mais de hora e meia. Refira-se, apenas, que Flavia Pennetta ocupa o 18.º posto do ranking feminino.

Apesar de desconhecido, este sucesso de Michelle não pode ser considerado surpreendente e o seu treinador, o mesmo que trabalhou com tenistas como Maria Sharapova, reconheceu já que o destino da tenista é estar no top ten.  

Por agora, a maioria dos portugueses conhece-a daqui…

Naide preparada para Pequim Julho 30, 2008

Posted by Bruno Miguel Dias in Atletismo, Jogos Olímpicos.
add a comment

A avaliar pelas últimas prestações, Naide Gomes vai apresentar-se nos Jogos Olímpicos em grande forma. 

A atleta portuguesa bateu o recorde de salto em comprimento, pela segunda vez numa semana, ao ter alcançado a marca de 7,12 metros no segundo ensaio do meeting internacional do Mónaco.

Para além de bater o recorde nacional, Naide Gomes estabeleceu a melhor marca mundial deste ano e perspectiva-se uma participação medalhada em Pequim.

Difícil respirar em Pequim Julho 29, 2008

Posted by Bruno Miguel Dias in Jogos Olímpicos, Pequim 2008.
1 comment so far

Os Jogos Olímpicos estão prestes a começar e ultimam-se os últimos pormenores. Contudo, factores existem que não poderão ser resolvidos atempadamente e estão a colocar em risco o sucesso da organização chinesa.

As alterações climatéricas e a qualidade do ar continuam na ordem do dia e serão dois dos maiores adversários das várias comitivas que vão participar nos Jogos.

A qualidade do ar continua a ser preocupante com os níveis médios de concentração de partículas , um dos principais indicadores da poluição atmosférica, a apresentar valores duas vezes superiores aos recomendados pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

O Dr. Pedro Branco, médico que irá acompanhar a comitiva portuguesa, admite que «ainda restam dúvidas sobre qual será o impacto da poluição nos atletas, mas ela pode influenciar o seu rendimento, principalmente nos que têm problemas respiratórios».

Segundo um estudo da Greenpeace, «a actual qualidade do ar em Pequim enfrenta grandes desafios, devido à explosão económica do país e ao rápido aumento da propriedade de automóvel individual», adiantando ainda o estudo que «deveria ter sido feito mais para levar a cidade a adoptar métodos mais limpos».

O próprio presidente do Comité Olímpico Internacional, Jacques Rogge, não descarta a possibilidade de suspender provas como a maratona, depois de o etíope Haile Gebreselassie, recordista mundial da maratona, ter recusado participar na prova devido aos altos índices de poluição.

Real Madrid destrona Barcelona Julho 29, 2008

Posted by Bruno Miguel Dias in Desporto, Futebol, Real Madrid.
add a comment

De acordo com um inquérito realizado a jovens promessas do futebol, o Real Madrid ultrapassou o Barcelona como o clube mais desejado para actuarem no futuro.

O estudo foi realizado pelo portal Mybestplay, um portal de encontro entre jogadores, clubes e agentes de todo o mundo. Os jogadores mais admirados são, sem grande surpresa, Cristiano Ronaldo, Kaká e o argentino Lionel Messi.

Contrariamente aos resultados do ano passado, o campeão espanhol ultrapassou o Barça como destino de sonho dos mais jovens, ao registar 22,68% dos votos. Os blaugrana, por sua vez, reuniram 19,84% dos votos, ao passo que o campeão inglês, Manchester United, alcançou 17,52% das escolhas. Este é um valor significativo uma vez que o emblema inglês no inquérito do ano passado chegou apenas aos 11,88%.

Curiosamente, a divulgação dos resultados surge numa altura em que continua o circo mediático em torno de Cristiano Ronaldo e a sua eventual transferência para Madrid, depois de o português ter afirmado, também ele, que quer jogar no Real Madrid.

A despedida do Menino d’Ouro Julho 22, 2008

Posted by Bruno Miguel Dias in Desporto, Futebol.
add a comment

Chegou ao fim a carreira de um dos melhores jogadores portugueses dos últimos anos. João Vieira Pinto anunciou a sua retirada do futebol profissional.

Depois de iniciar a sua carreira no Boavista, o “pequeno génio” passou os melhores anos da carreira no Benfica, onde ganhou o cognome de Menino d’Ouro. Numa súbita mudança, transferiu-se para o rival Sporting e houve ainda espaço para representar o Braga e voltar às origens, o estádio do Bessa.

Na selecção portuguesa, JVP conquistou o título de campeão do mundo de júniores e foi durante anos um dos estandartes da Geração de Ouro. Pena o modo como se despediu da selecção das quinas, depois de no Mundial de 2002, na Coreia, ter agredido um árbitro.

Ficam os melhores momentos de um jogo memorável… 

Decepções futebolísticas Julho 22, 2008

Posted by Bruno Miguel Dias in Desporto, Futebol.
add a comment

O diário desportivo espanhol Marca publica hoje na sua edição online as 10 maiores decepções do futebol em Inglaterra. Com preços para todas as carteiras, são alguns os negócios que não correram como esperado. A pouca honrosa de distinção de Maior Desilusão vai para a estrela ucraniana Andrei Shevchenko, que depois de épocas a grande nível no Milan se transferiu para o banco de suplentes do Chelsea. De resto, esta foi uma das apostas falhadas de José Mourinho enquanto esteve no comando técnico dos blues.

Aqui fica a lista: 

O ‘TOP TEN’ DOS FRACASSADOS
1.    Andrei Shevchenko (Chelsea, 45 millones)
2.    Albert Luque (Newcastle, 15 millones)
3.    El Hadji Diouf (Liverpool, 15 millones)
4.    Chris Sutton (Chelsea, 15 millones)
5.    Sergei Rebrov (Tottenham, 16 millones)
6.    Steve Marlet (Fulham, 17 millones)
7.    Adrian Mutu (Chelsea, 24 millones)
8.    Darren Bent (Tottenham, 25 millones)
9.    Djibril Cisse (Liverpool, 22 millones)
10.    José A. Reyes (Arsenal, 15,5 millones)